Bicentenário levou quase 30 mil pessoas ao Uberabão

Um mar de gente. Esta foi a visão dos artistas que se apresentaram na noite de domingo (1) no Estádio Municipal Engenheiro João Guido, o ‘Uberabão’, em comemoração aos 200 anos de Uberaba.

Por Redação Curtoo, Uberaba/MG
04/03/2020 17:02

Um mar de gente. Esta foi a visão dos artistas que se apresentaram na noite de domingo (1) no Estádio Municipal Engenheiro João Guido, o ‘Uberabão’, em comemoração aos 200 anos de Uberaba. A Festa do Bicentenário, promovida pela Prefeitura, teve Chitãozinho e Xororó, Jota Quest, Leonardo e a banda uberabense Projeto ao Cubo que abriu as comemorações. O acesso foi gratuito reunindo cerca de 30 mil pessoas.

O que se viu no local foi muita animação e do público e reconhecimento pela organização e segurança do evento. “Coube a mim, como prefeito, organizar esta festa para Uberaba. A Prefeitura buscou e conseguiu importantes patrocinadores. É uma festa de toda a comunidade. Comemorar o bicentenário em grande estilo, com shows e público feliz, valeu todo o esforço e empenho”, ressaltou o prefeito. Piau explicou que o principal objetivo foi o encontro de amigos, família e celebrar a alegria.

Antes de subir ao palco, a dupla Chitãozinho e Xororó agradeceu ao convite da Prefeitura para se apresentar ‘nesta data tão importante’. “Esta cidade é muito especial para todos nós, especialmente para quem curte a música sertaneja”, declarou Chitãozinho. O show Evidências durou quase duas horas com clássicos da dupla, levando o público ao coro por diversas vezes.

Para os amantes do estilo pop nacional, a banda mineira Jota Quest, não deixou ninguém parado. O amor da banda por Minas Gerais e por Uberaba ficou demonstrado quando o vocalista Rogério Flausino se cobriu com uma bandeira do Estado. Em entrevista, Rogério confidenciou a ansiedade e o ‘frio na barriga’ antes do show. “Quando me falaram a quantidade do público eu comecei a tremer, pois não é toda hora que se toca em um estádio em pleno domingo com tanta gente do bem e família reunida”, declarou o vocalista.

Confira as fotos

Confira o vídeo

O cantor Leonardo encerrou a noite com grande estilo. Ele já tinha prometido que daria tudo para proporcionar grandes lembranças ao público. Durante a apresentação declarou que Uberaba foi e é como uma mãe para ele. “Posso chamar esta cidade de mãe, pois sempre me acolheu tão bem e com tanto carinho desde o início quando fazia dupla com meu irmão Leandro. Eu tenho 37 anos de carreira e conheço bem esta cidade”, disse entre uma música e outra.

A uberabense Maria Suelena de 67 anos, moradora do bairro Marajó II, chegou ao estádio às 16 horas para assistir aos shows, especialmente do cantor Leonardo, do qual é fã. “Graças a esta festa pude realizar o sonho de conhecer pessoalmente o Leonardo. Valeu cada minuto de espera da minha vida”, comemorou.

A banda Projeto ao Cubo teve a responsabilidade de abrir os shows e de representar todas as bandas da cidade nesta festa. “O respeito por nós foi muito grande e só podemos agradecer a Prefeitura por ter nos escolhido para representar os músicos de Uberaba. Fomos tratados de igual para igual com artistas do cenário nacional e isto não tem preço”, declarou o vocalista Pablo Carvalho. Para o baterista Dudu Hermano foi difícil segurar a emoção em cima do palco. “Toda hora dava vontade de chorar com a resposta do público durante as músicas. Esse foi um dos melhores presentes da minha vida e isso vai ser eternizado para as gerações da minha família”, refletiu Hermano.
 
Esquema especial garantiu a segurança
 
Um esquema especial de segurança e socorro foi preparado para atender ao grande público. Isto propiciou um mega evento em local amplo e com muita gente reunida sem o registro de maiores transtornos. O esquema reuniu a Polícia Militar, Guarda Municipal, agentes de trânsito, estrutura do Samu, guarnições do Corpo de Bombeiros Militar, Juizado da Infância e da Adolescência.

Jorn. Lílian Veronezi
Fotos: André Santos
Imagens Aéreas: Thiago Reis/ImagemGo!